sábado, 28 de agosto de 2010

Pra que brinquedo se tem telefone?

Que as crianças adoram um telefone não é novidade pra nenhuma mãe, o objeto de desejo deles está sempre à mão num momento de crise. Aqui em casa não poderia ser diferente. A dupla já quebrou uns 4 celulares, bem básico. Depois que perdi o meu celular que tanto amava, o meu aparelho passa longe deles (só uso pra distrair enquanto corto as unhas deles).
Mas agora eles descobriram que tem uma pessoa do outro lado do telefone! Agora eles falam ao telefone! Posso?

Antônio com a vovó Goreti na linha:
- Auô, quem fáua? É o Antônio.
- Oi Antônio, é a vovó! Cadê o favo de mel da vovó?
- Tá tiiii...
(vovó derretida)
- Tchau vovó, beijo, muah!


Isabela com a dinda Nani na linha:
- Auô, é a Bebé
- Oi minha princesa
- Ginda Nani, muah (de beijo)
- Gindo Túio, eca fuiada
(dinda às gargalhadas e dindo roxo)


Não, não, esses dois são umas figuras...
Beijinhos***

2 comentários:

Beta, a mãe disse...

hahahaha que engraçadinhos! Telefone é o brinquedo mais legal que existe! A Bia tá descobrindo agora que tem outra pessoa do outro lado e por enquanto só fica ouvindo que tá falando e dando risada. Uma fofa!

Uli disse...

Eu fico impressionada como eles nascem curtindo coisas como celular, teclado e mouse de computador, controle remotos, etc...parece que sempre usaram esses itens avida inteira. E olha que eu tbm não deixo pegá-los de jeito nenhum. Só o teclado q eles tem um velho pra brincar...
Mil bjs querida.