sábado, 31 de maio de 2008

Dormindo no quarto da mamãe

Quando montei o quartinho das crianças, coloquei os dois berços a fim de que eles dormissem cada um no seu. Nos primeiros dias os dois dormiram juntos, no mesmo berço, pra se aquecer e sentir seguros, caso acordassem a noite. Pois bem, em dois meses eles dormiram quatro vezes no quartinho deles. QUATRO vezes! Como eu tinha que levantar pelo menos três vezes por noite, carreguei um dos berços para o meu quarto. Não queria colocar do meu lado da cama porque queria que o meu marido acordasse também, para me ajudar nos mamás noturnos. Não teve jeito, o berço está do meu lado e foi a melhor coisa que pude fazer. Nas noites frias que tem feito é só esticar o braço e pegar o “da vez”.

Outra coisa que sou contra (ou era) é o fato de eles dormirem na cama conosco. Acho extremamente perigoso. Imagina se numa virada amassamos um deles¿! “Deusulivre”! Bem, pra variar tive que mudar meus conceitos novamente. Quando uma das crianças fica muito agitada e não quer dormir carrego para o nosso meio. Mas antes mentalizo bem que tem alguém do meu lado pra evitar acidentes. Esses dias colocamos os dois na cama. Que delícia! Eu e o meu marido quase caindo da cama e os dois bem esticados e de braços abertos ainda! Portanto, hoje sou a favor de todos dormirem no mesmo quarto, além de ser uma festa, facilita pra mim que passo as noites “trilhando”.

3 comentários:

mcpereira66@terra.com.br disse...

Muito úteis suas informações. Vou seguir a risca, quando tiver os meus gemeos. O único problema e a minha idade avançada.
Beijos

Tia Cá

Vana disse...

Ha ha ha ha ha ha. Imaginei desde o princípio. Até falei p Jo: A 1ª regra quebrada será a do bico, e depois o dormitório coletivo!

Bj

Daiane disse...

Pois bem,Camila, eu tbem fiz isso, a minha filha dormiu comigo dede bebezinho até quando tinha uns 6 anos.As vezes eu me arrependia de ter acostumado ela assim, mas por outro lado achei que podia curtir melhor, e não me arrependi não,é tão gostoso dormir bem juntinhos, nas noites frias então...nossa é muito bom mesmo.

Beijinhos